Precisamos Estudar Daniel Caeser

Por Isabella Garcia

Até pouquíssimo tempo, Daniel Caesar era um cantor/compositor relativamente desconhecido. O queridinho do R&B, de 24 anos, cresceu em Oshawa, subúrbio de Toronto. Estudou em escola cristã e frequentava regularmente a igreja. Só conseguiu ampliar seus horizontes musicais aos 17 anos, antes disso suas referências eram as músicas evangélicas. 

Mesmo assim, o garoto humilde de Oshawa conseguiu seu lugar ao sol em 2016 com o single “Get you”, que contou com participação de Kali Uchis. 

Desde então ele vem deixando todos os amantes de R&B viciados pelos seus falsetes emotivos e a suavidade de sua voz. Ele conseguiu ressignificar o gênero, trazendo uma vibração romântica e cheia de nuances melódicas. 

Não é à toa que Caesar apareceu na playlist de Barack Obama e fez um show privado para LeBron James e sua esposa.

Há cerca de dois meses, Daniel lançou o álbum Case Study 01, que conta com colaboração de Pharrel, Brandy e John Mayer. Esse álbum é musicalmente muito rico. Ele trás um calor instrumental muito contagiante, flerta com o reggae, trás claramente nuances psicodélicas e trás à tona as suas origens evangélicas com uma espécie de coral em algumas canções. 

Daniel Caesar nos conduz a uma vibe totalmente original. O contexto é muito sobre a sua existência. Ele tenta usar a ciência para justificar a morte e espiritualidade. Mas logo volta a ser o garoto que confia em Deus e que gosta de estar apaixonado.

Isabella Garcia