Amar É Um Ato Político

Amar-é-um-ato-político-Ruido-Manifesto.jpg

AMAR É UM ATO POLÍTICO

Amar é um ato político

e se você está mais preocupado com a alta do dólar

do que com aqueles que passam fome,

isso meu bem explica muito sobre a sua fome,

seu apetite pela ganância,

aquela que só satisfaz o individual

e despreza o social

e isso meu bem cria um abismo entre nós.

Não posso amar alguém que

não mira seus olhos no povo,

pois é nele que meu olhar está vidrado.

Desprezo essa gana de vencer,

de vencer sobre a miséria alheia,

quero vencer,

mas vencer com todos,

abraçada aos marginalizados,

ancorada e acolhida nos preceitos da justiça social.

Meu amor é um ato político,

coquetel molotov contra o retrocesso

e eu vou lutar,

derramar meu sangue e meu amor

por aqueles que lutam,

não pelo interesse pessoal,

mas pelo ganho coletivo.

Amar é um ato político

e por isso

nunca deixarei ele se calar.


Manuela Rahalpolítica, democracia, amor